15/10/2019

HIPER BOM PREÇO (VITÓRIA DA CONQUISTA-BA) CAPTURANDO CÃES DE RUA E ENVIANDO PARA SUPOSTA ONG EM SALVADOR. ALTAMENTE SUSPEITO. VAMOS INVESTIGAR!

Hoje é 15/10/2019, às 15:37h. Me chamo Plácido Mendes e sou cantor. Agora há pouco eu estava com minha namorada carregando uma caixa grande e pesada e, para cortar caminho, passamos por dentro do estacionamento do HIPER BOM PREÇO VITÓRIA DA CONQUISTA, situado à Av. Rosa Cruz, em frente ao Centro de Cultura. Devido ao peso, paramos um pouco pra descansar, logo abaixo da ladeirinha para as pessoas entrarem na loja, em frente ao estacionamento da parte baixa do terreno (em frente ao posto).

Foi quando percebemos que haviam dois cachorros amarelos, de porte médio-grande deitados na areia do canteiro do estacionamento, e dois sujeitos uniformizados ao lado, com uma pick-up parada com a tampa aberta e uma grande caixa de transporte de animais. O que chamou a atenção primeiramente foi o fato de que, ao perceberem que paramos e viramos na direção deles (apenas para descansar, como disse. Ainda não tinha nem percebido nada demais, já que sempre vejo cães dormindo naquele canteiro), eles deixaram transparecer que nossa presença incomodava. Eles passaram a fingir que nada acontecia, como se esperassem que saíssemos. Foi quando um dos cães levantou e, cambaleando, caiu novamente ao chão. Estava DOPADO. O outro estava nas mesmas condições.

Nessa hora, me lembrei que vi, de relance, alguém no Instagram, alguns dias atrás, falando sobre alguma empresa que estava capturando cães e levando para Salvador, e que era muito suspeito. Pois bem: decidi ir até os dois sujeitos e perguntei: “para onde vão levar os cachorros?”. Um dos dois, já visivelmente irritado, disse que não iria fazer mal, que era pra uma ONG, e que a empresa não sujaria seu nome fazendo algo errado. Chamou mais atenção ainda, pois eu não perguntei em tom irônico ou algo do tipo. Apenas fiz uma pergunta tranquilamente e sem pedir muitos detalhes. Mas o jeito dele falar me pareceu MUITO suspeito.

Ele disse que o Hiper Bom Preço havia contratado a empresa para levar os cães a uma ONG em Salvador, pois eles estavam atacando os clientes. Perguntei qual era o nome da ONG. Ele me disse não estar autorizado a dizer. Perguntei o que ela faria com os animais. Ele, ainda mais irritado, disse que é uma ONG credenciada, legalizada e que a empresa não sujaria o próprio nome, disse novamente. Observei as marcas em seu uniforme: ORKIN e BRASPRAG. Pesquisando, descobri ser uma empresa de combate a pragas que, na Bahia, atua apenas na capital (https://www.orkindobrasil.com.br/). Infelizmente, eu havia esquecido meu celular em casa, e não pude fotografar ou gravar nada.

Na volta, decidi procurar o gerente do Hiper e perguntar sobre o assunto, pra ver se as respostas batiam. Fui recebido pelo Lucas, possivelmente um dos gerentes ou coordenadores. Ele me disse que a funcionária que sabia o nome da ONG não estava no momento, mas disse que os cães estavam atacando os clientes, e que eles procuraram o poder público e TODOS OS ABRIGOS DE ANIMAIS da cidade, e ninguém deu alguma resposta favorável, então contrataram uma empresa de controle de pragas, que levariam os animais a uma ONG em Salvador. Suas palavras foram mais ou menos assim: “a prefeitura disse não poder fazer nada, e que nós não poderíamos fazer nada aos cachorros, então contratamos uma empresa para isso”. Mais uma vez, quando perguntei o que essa tal ONG faria com os animais, a resposta foi parecida: “essa ONG é credenciada, legalizada”, sem responder o que perguntei. Saí de lá ainda sem saber o nome dessa ONG.

Devo enfatizar aqui que NÃO POSSO, COM AS INFORMAÇÕES QUE TENHO, AFIRMAR NADA. ISTO APENAS ME PARECE MUITO SUSPEITO, já que é de conhecimento de todos que qualquer ONG ou grupo de resgate de animais está SEMPRE lotado e carente de recursos, e que dificilmente alguma ONG no Brasil receberia animais indiscriminadamente dessa forma, dada a dificuldade natural que todas enfrentam. Essas pessoas estão capturando animais que podem ser de rua ou não (se você mora nas imediações, tome cuidado com seu cachorro) e levando silenciosamente a um lugar que não me foi revelado na primeira tentativa, o que, junto à atitude dos supostos funcionários da Orkim/Brasprag deixa AQUELA pulga atrás da orelha.


Tendo o histórico de atitudes de donos de mercado com relação aos animais que rodeiam (basta dar uma olhada nas notícias de alguns meses atrás, em outras partes do país) temos aqui no mínimo uma situação que deve ser esclarecida. Peço que repasse este texto e busque informações, vá ao Hiper Bom Preço e faça perguntas aos gerentes, até conseguirmos informações satisfatórias. Meu e-mail é placido@distintivoblue.com e gostaria de contar com mais gente para desvendar essa questão, já torcendo para que, ao menos exista essa tal ONG e que ela não esteja sacrificando ou maltratando os animais. Este texto será enviado por mim a diversas pessoas, incluindo a Imprensa. É direito do cliente e cidadão saber o que o Hiper Bom Preço está fazendo com os animais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Qual sua opinião a respeito deste post?

Loja DB